Toby Collection, pioneer in accessible for children gisele.jorn@uol.com.br

Loading...

15/11/2015

O BEM SEMPRE VENCE O MAL

Que o medo se transforme em amor.
Que a paz vença o terror.

Descrição da imagem: Tulipas amarelas apoiadas em seus caules verdes e fortes direcionadas para o céu azul. A flor em primeiro plano exibe numa das pétalas um traço vermelho, a cor do amor, simbolizando a vida.
 

10/11/2015

COLEÇÃO TOBY FAZ REFLEXÃO SOBRE BULLYING DESDE 2003

Novembro, 9, 2015 Foi sancionada lei que obriga escolas e clubes a adotarem medidas de prevenção e combate ao bullying. Desde o lançamento do meu primeiro livro, Um Par de Asas para Toby, em 2003, escrevi e falei aos professores, pais e alunos sobre a prática de atos de violência física ou psíquica e o costume de apelidar pessoas causando dor, sofrimento e até a morte. O cão Toby, protagonista das aventuras em defesa do meio ambiente, da inclusão e das boas práticas do ser humano no meio em que habita, tem um amigo cão de nome Bolão. O tema foi enfatizado no primeiro capítulo do terceiro volume, Uma Aventura na Amazônia - RAYCHA, onde explico que, diferente de nós, um cão não possui sentimentos humanos que fazem sofrer por causa de um apelido, citando uma das formas mais comuns de bullying. Em Gikovate e Toby, postado no blog em 21/5/2007, convido professores e alunos a fazerem dois exercícios em favor das boas práticas.

Descrição das imagens: Os cães Toby e Bolão em imagens do volume 1 e 3. Na primeira imagem Bolão aparece obeso. Diferente de Toby tinha preguiça de se exercitar. Na segunda, Bolão aparece magro. Ficou na vaga de goleiro do futebol de praia enquanto o amigo Toby se aventurava na Amazônia. De Bolão virou Frangão e nem ligou. É um cão.

http://www.gpecchio.blogspot.com.br/2007/05/toby-e-gikovate.html link para Gikovate e Toby, de 21/5/2007
 

02/11/2015

REAÇÃO À HIPOCRISIA É A MELHOR ORAÇÃO AOS LESADOS MEDULARES GRAVES

Domingo de Finados - Esta semana, um rapaz cansado de pedir ajuda e não receber, coberto de úlceras por pressão (que atleta olímpica, tratada nos EUA, chama de "escárias"), sem receber sequer uma cadeira de banho adaptada às suas lesões, coagiu o irmão a matá-lo.
Este crime foi um tapa na cara de todos nós. O irmão foi absolvido, teria sido coagido a matar para livrar familiar do sofrimento. Agiu em desespero porque pessoa alguma move um dedo para socorrer os derrotados, os sem patrocínio, os sem medalha olímpica, os sem carteirada.
Sequer somos um país civilizado para que os médicos e enfermeiros tenham sido educados para mitigar e dar bem-estar aos que sofrem nesse nível cruel da existência humana: ter inveja de quem morre a ponto de querer partir antes de finda a missão.
Esse crime é de todos nós. Em especial daqueles que têm a gestão de verbas públicas nas mãos, programas de Estado para serem cumpridos e mandatos polpudos, recheados de regalias e holofotes.
A melhor oração é a reação à hipocrisia coletiva.
A hermenêutica pode explicar o real contexto em que deveríamos estar inseridos como cristãos mas estamos longe desta Graça, perdidos na idolatria do poder e do dinheiro.
A reação à hipocrisia é a melhor oração para os lesados medulares com sequelas graves, sem a menor chance sócio-familiar nem das instituições que deveriam cuidar da saúde e proteção social deles, como esse tetraplégico assassinado.

 

30/10/2015

TOBY E A ORAÇÃO DE UM CÃO














outubro, 30. Recebi a visita do Wiliam, sobrinho de uma querida amiga que me visitará nos próximos dias. Adorei os docinhos portugueses, quentinhos, que ela enviou. Enquanto conversávamos, Tobinho dormia aos meus pés e o senhor Carlos prosseguia silencioso trabalho para deixar nossa casa em ordem. Ontem veio a amiga Eli, para uma breve visita, sempre apressada no alto dos seus 82 anos cheios de disposição, igual minha mãe.

Descrição da imagem: Toby apresenta a pintura nova da sala de casa. Havia uma trinca horrível na parede que desapareceu com o trabalho do Sr. Carlos. Amanhã, a amiga Célia e seu marido levarão esse fofinho para banho e tosa. Não poderia haver pessoas mais carinhosas para fazer essa gentileza.

Para todos aqueles que humanos sabem ser dedico a Oração de um Cão:

Senhor, que reinais das celestes alturas sobre o mundo, permita ao ser humano ser fiel às demais criaturas como lhe sou fiel com todo o meu amor.

Que ele ame a família, os amigos, como eu o amo também abnegadamente.
Assim como eu, sem temer insídias nem perigos, saiba do alheio bem zelar honestamente.

Que ele esteja, Senhor, sempre pronto para agradar como eu em lhe abanar a cauda em afeição.
Que sua gratidão saiba sempre mostrar como eu lhe mostro a minha ao lhe lamber a mão.

Dai-lhe, Senhor, a calma que me faz paciente esperar a presença querida.

Daí-lhe a coragem com que eu sou capaz de por ele dar até a própria vida.
Guardai-lhe, meu Deus, a eterna mocidade do espírito e a paz que há no meu coração.

Ah! Senhor, que reinais por toda a eternidade,

Que o ser humano saiba ele ser, tal como eu sei ser cão.

27/10/2015

Não sou uma guerreira. Sigo instruções de uma centelha divina que habita em cada um de nós. Meu corpo físico é uma pálida e retorcida moldura do que já foi; meu corpo mental está sujeito às vibrações nem sempre positivas desse mundo, em especial quando nos encontramos no chão, sem condição de autoajuda; meu corpo espiritual é intocável, pertence a Deus e tão somente. GPecchio

12/10/2015

FELIZ DIA DAS CRIANÇAS!

Da Gisele-Menina às Crianças de todas as idades. Quem disse que temos que crescer no Coração? Melhor ter um coração para sempre aprendiz. Descrição da imagem: rosto de Gisele com chapéu enfeitado com tule e parte do tronco, até os bracinhos, coberto por vestido rendado e bordado feitos pela mãe, a costureira Fany, começo da década de 60, Foto Glamour-Osasco (SP). No pescoço, delicada corrente com crucifixo.
 

HOMENAGEM ÀS MÃES E ÀS CRIANÇAS, NA VOZ DE MIRUSIA LOUWERSE REGIDA POR ANDRÉ RIEU


12 out,2015 Esse dia é especial para mim. Lancei meus livros para crianças, de todas as idades e necessidades diferentes para ler, no Dia de Nossa Senhora da Aparecida, escolhida pelos católicos para ser a padroeira do Brasil. Para mim, um dia dedicado às mães e às crianças, em memória de Maria e de seu filho Jesus, o Deus-Menino. Cantar é dom divino e neste momento ouço Ave Maria, na interpretação da australiana Mirusia Louwerse regida pelo holandês André Léon Marie Nicolas Rieu.

26/09/2015

TRANSPORTE ADAPTADO DA PREFEITURA DE OSASCO FAZ ANIVERSÁRIO



Descrição das imagens: Sandra Missiano Lapas, primeira-dama de Osasco, e Paulo Arnoni, presidente da Cia. Municipal de Transportes, com Gisele e Fany, mãe e filha inseparáveis. Abaixo, o convite da festa do nono aniversário do transporte adaptado para pessoas comprometidas no seu direito de ir e vir nas consultas e terapias.

06/09/2015

O NINHO E AS CICLAMES

Inverno, 6 set. Véspera do feriado nacional da Independência do Brasil. Um dia frio mas de muita paz, no aconchego do lar. A primeira imagem do dia vem da janela do meu quarto: um vaso de flores vermelhas. Ganhei da amiga Elzi, há três meses, no meu aniversário. São as flores do inverno, também conhecidas como flores do gelo, de nome popular Ciclames (assim me assegurou minha florista favorita, a Elenir). Alguns metros separam o vasinho da minha imponente roseira Príncipe Negro, escolhida por uma menina canário para fazer ninho. Eu e Tobinho (o poodle da família) assistimos as incontáveis aterrissagens e decolagens da "menina", trazendo em cada viagem delicados pedaços de galhos de plantas e poucos centímetros de linha de costura ou tear.
Fotografei as flores e o ninho antes de ajudar mamãe na preparação do almoço, cujo prato principal exalava o agradável tempero que preparei com capricho para dois pedaços de filé de peito de frango, na véspera. Depois de agradecer em oração pelas nossas vidas e por não nos faltar adoração por Deus, que nos permite ter à mesa o que falta para muitos, comemos em silêncio sagrado o nosso bom feijão com arroz caseiro, o filé feito por mim, depois da salada colorida pelo verde da alface, do pepino, da azeitona, pelo roxo da berinjela e um pouquinho de atum que dividimos em partes iguais.














Descrição das imagens: o ninho entre folhas e espinhos da roseira, para predador algum ameaçar a segurança do lar da menina canário, e as Ciclames vermelhas.

24/08/2015

POLÍTICOS DEVEM CUIDAR DO SEU MANDATO E DEIXAR TÉCNICOS TRABALHAREM EM FAVOR DO BRASIL

Rumores sobre a saída do ministro Joaquim Levy (Fazenda) preocupam. Melhor seria deixar técnicos de alto nível exercer o seu abnegado e difícil trabalho. Levy é engenheiro e economista de grande experiência e equilíbrio para trabalhar sob a intensa pressão das bolsas de valores e de políticos despreparados para enxergar o próprio mandato quem dirá para entender a instabilidade da economia de gigantes como a China, que faz tremer o mundo globalizado, país onde engenheiros ocupam todos os cargos ministeriais. Por que será, heim? No parlamento chinês, também, o raciocínio lógico e o preparo são maioria. A China encontrará seu ponto de equilíbrio. Deixemos cérebros selecionados trabalhar em favor do Brasil, apartados da corrupção e da faxina árdua promovida pelos agentes de proteção do Estado.
Descrição da imagem: Joaquim Levy, tendo ao fundo a Bandeira Brasileira
 

29/07/2015

PENÁPOLIS QUER TOBY

VIDA OU MORTE DA NATUREZA ESTÁ EM NOSSAS MÃOS. Em dezembro de 2013, as edições em braile e tinta ampliada da coleção Toby chegaram às mãos dos leitores de Penápolis(SP). Ontem, recebi outro pedido. Estou feliz por saber que além de atender as necessidades diferentes de leitura dos seus estudantes, os gestores da Educação valorizam livros de conteúdo seguro, com ênfase na preservação do meio em que habitam e nas boas práticas de cidadania. Toby é um defensor da natureza e gostou do carinho como a cidade cuida das suas ruas, praças e espaços públicos.

Descrição das imagens: Vista da Praça 9 de Julho, tendo no primeiro plano uma frondosa árvore. Ilustração de Toby procurando endereço com uma lupa no guia deste hábil viajante. Fontes: Prefeitura Municipal de Penápolis e ilustração do vol.3 da coleção Toby, ilustrador MECCHI

27/07/2015

DON'T CRY FOR ME ARGENTINA


Para mim, a mais bela interpretação desse clássico é de Suzan Erens. Enjoy!

Jul, 26, 2015 Sessenta e três anos da morte de Eva Perón (7/5/19 a 26/7/52). Atriz, política e primeira-dama argentina no governo de Juan Domingo Perón (8/10/1895 a 1º/7/74). Como esquecer a interpretação da inglesa Julie Covington (1976) e de Elaine Paige, na estreia nos teatros (1978). Evita, personagem criada pela própria ativista política Eva Perón, é um musical inesquecível, por causa da música Don’t cry for me Argentina, uma pérola escrita por Tim Rice com arranjos musicais de Andrew Lloyd Webber. Clássico eternizado no cinema, décadas após (1996), pela cantora Madonna e o ator Antonio Banderas.
A lembrança da morte de Eva me trouxe à memória eu cantando essa música durante uma aula em que o professor, hoje médico-cirurgião cardiovascular famoso, me pediu para cantar depois de nos ensinar a letra. Ele perguntou à classe quem gostaria de cantar e uma colega me cutucou e disse: “ela canta”. Pobre de mim, minha timidez e falta de talento para o canto foram expostos em silêncio absoluto por parte dos colegas. No final, venceram a minha emoção e a bela letra trazida ao nosso conhecimento pelo meu eterno, sempre lindo e inesquecível professor. “...You won’t believe me. All you’ll see is a girl you once knew...”

23/07/2015

QUEM É TOBY?


Este blog surgiu para divulgar o resultado de trabalhos de pesquisas independentes em literatura paradidática acessível. Encerrei atividades devido aos agravos na minha saúde. Como Toby, o protagonista das minhas histórias, eu corria muito, visitando distantes lugares, tarefa agora impossível. Assuntos relacionados à Saúde, igual à Educação, direito constitucional do cidadão, e fragmentos do diário de uma sobrevivente agora são publicados aqui. Hoje, a pequena Jessica me perguntou se o Toby dos livros era o poodle Toby, meu fiel companheiro de jornada. Pergunta que motiva continuar escrevendo sobre o trabalho autoral, lenitivo potente para uma existência torturada, enquanto espero pela conduta médica para me socorrer.
Quem é Toby?
Venho de um lugar tão lindo como o brilho que trago no olhar.
No meu olhar se pode ver refletido o azul do céu.
Se pode ver, também, o azul das águas do mar do lugar de onde venho.
No céu do meu lugar brincam os amigos pássaros da esquadrilha da fumaça
Tenho um amigo índio de nome Ypê.
Como eu, o menino Ypê também é filho da Juréia.
Nossa mãe nos acolhe a todos em seu majestoso condomínio de mata verde e fresca.
Lá, habitam seres misteriosos.
Eles guardam tesouros invisíveis para quem não lê com olhar de vaga-lume.
Os vaga-lumes enfeitam o céu quando a noite deita sobre o lugar de onde venho.
Meu olhar tem um brilho lindo como é lindo o meu lugar.
Do meu olhar se pode ver refletido o amor e a inteligência do Criador.
Sou pequenino, mas tenho o porte altivo dos filhos do lugar de onde venho.
O lugar de onde venho pequenino e altivo inspira lendas, histórias e projetos pioneiros para o meu país.
Sou um cão caiçara tupiniquim, filho da Juréia.
Inspirei a primeira coleção de livros para crianças em formato acessível.
Meu maior desejo é um dia poder ver-me refletido no seu olhar.


Descrição das imagens: praia da Juréia, visita de Gisele ao cão Tobby verdadeiro, na sua casa, em Peruíbe (SP)


Descrição das imagens: com intérpretes de Libras após palestra em Macaé (RJ) e interação com leitores na Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos (SP)
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

04/07/2015

LIVRARIA CULTURA ENCOMENDA UM PAR DE ASAS PARA TOBY, EM BRAILE E TINTA AMPLIADA

Resolvi doar meu mobiliário do quarto, roupas, calçados, bolsas e os livros da Coleção Toby, minhas joias mais preciosas, ao Instituto André Luiz. À minha pequena grande mãe coube a difícil tarefa de separar e embalar tudo. Degraus me separam do meu quarto, onde jamais estive depois de quebrar a coluna. Com uma remessa de 20 livros para a loja da Livraria Cultura no Shopping Iguatemi, capital(SP), em 23 de outubro do ano passado, estaria tudo encerrado. Fiz a minha despedida e o comprador, ao telefone, se emocionou. Quase choramos juntos. O tempo passou e na última sexta,3,recebi pedido de 25 livros em braile e tinta ampliada de Um Par de Asas para Toby, da loja do Conjunto Nacional, avenida Paulista, capital (SP).

Disse à compradora que não tinha mais livros para oferecer. Neste instante, minha mãe se apressou em dizer que havia guardado uma quantidade de livros, antes de eu terminar a ligação telefônica. “Eu sabia que alguém iria precisar dos seus livros e não iria encontrá-los porque quando doamos não sabemos o destino final da doação”, disse ela. As mães sempre têm razão. Dependendo da cabeça de quem recebeu e fez a triagem dos livros o caminho pode ter sido o da reciclagem. Fiquei feliz em poder atender Cristiane, a simpática compradora, que sabe do meu comprometimento motor e falta de ajudante e fez a retirada dos livros em casa. Difícil agora é saber, afinal, quantos livros ainda tenho. Mamãe não soube dizer quantos e quais títulos guardou. Sei apenas que ela preservou as edições em braile, minhas joias mais preciosas, depois dessa mãe incrível. Mãe, te amo!
Descrição da imagem: mãozinhas das alunas Laura e Mariana fazendo a leitura da edição em braile e tinta ampliada do livro Um Par de Asas para Toby, Colégio Ofélia Fonseca, capital (SP)





01/07/2015

PIETRO VEIO ME VISITAR PELA SEGUNDA VEZ, NO DIA DE SÃO PEDRO


2015, junho, 29. Dia da celebração ao apóstolo Pedro e também ao apóstolo Paulo, dois grandes mártires e pilares do cristianismo que teriam morrido no mesmo dia, talvez em anos diferentes. É mais popular comemorar, em 29 de junho, o Dia de São Pedro. Aqui em casa tive a alegria de receber, na última segunda, o pequeno Pietro, primeiro neto da podóloga Neli. O pequenino já havia me visitado na barriga da mamãe, poucos dias antes de nascer. Neli faz de tudo para jamais deixar de atender seus pacientes, em especial os mais comprometidos em sua mobilidade. Profissionais assim fazem a diferença porque trabalham com amor e dividem conosco o maior tesouro: celebrar a vinda de mais um anjo da constelação do Senhor.
Descrição da imagem: Pietro dormindo ao lado de Neli e Gisele

25/06/2015

MICHAEL JACKSON PARTIU HÁ SEIS ANOS. LOVE LIVES FOREVER

This is it teria sido a última mega produção do Rei do Pop, que partiu sem concretizar seu último trabalho benemérito. Com a renda da turnê com a qual encerraria sua carreira, Michael Jackson construiria o maior hospital pediátrico do mundo. Uma alma dócil e torturada, própria dos grandes gênios. Para quem não assistiu, veja o filme This is it no SBT, amanhã, às 23h15.

Ben (1972), do início da carreira solo de Michael Jackson, foi a primeira letra de música que aprendi a traduzir. A voz suave é de um garoto que marcou a mim e aos adolescentes na década de 70. One Day in Your Life (1975), na voz afinada do acanhado Michael Jackson, eternizou os bailinhos na quadra da escola e nas garagens das casas da minha tímida adolescência. Cresci ouvindo e traduzindo as canções daquele que seria o Rei do Pop. Triller (1982) rendeu o Grammy Award e foi um marco na carreira deste astro planetário.
A interpretação de Smile, música de Charlie Chaplin e letra de John Turner e Geoffrey Parsons, por este gênio dos espetáculos de alta performance, é bela como a simplicidade deste artista para sempre menino.
Smile though your heart is aching...
Earth Song (1995), a Música da Terra, é minha favorita porque traduz o amor planetário deste artista generoso e benemérito. Pioneiro da era dos vídeos musicais, investiu milhões de dólares na filmagem desta canção denunciando os estragos da ação perversa do ser humano em todos os continentes, inclusive na floresta amazônica. Ele empresta sua potente voz, interpretação e o corpo frágil no mais dramático pedido de socorro da natureza contra atos predatórios e criminosos na Terra que nos foi dada para habitar. É a maior prova de amor deste artista que o mundo teve a dádiva de conhecer em sua breve passagem por aqui. Uma alma dócil e torturada, própria dos grandes gênios. (MJJ, 29/8/58 a 25/6/2009).
Descrição da imagem: MJJ interpretando Earth Song no filme This is It e
uma garotinha rodeada de borboletas numa das mais belas cenas do
filme. Há um texto que escrevi, em homenagem ao Michael, após
assistir esse competente trabalho do diretor Kenny Ortega, 2009.
Clic no link Earth Song para assistir o filme em YouTube.
 

24/06/2015

VIVA SÃO JOÃO!


Neste friozinho somente o calor das amizades para aquecer ao menos o coração. Agradeço a lembrança do meu aniversário aos amigos e primos que me ligaram e me visitaram, em especial a Marcinha, Silvana (para sempre colegas do Marketing Bradesco), Cecilinha, Elzi, Markiano (ADEVA), Roberto Luccas e para sempre amadas Rê e Neyde.

Descrição da imagem: Gisele, aos 7 anos. Festa junina no então 2º Grupo Escolar de Osasco (SP), hoje Emef. Prof. José Liberatti.
Descrição da imagem: cartão da tia Neyde e primos com
mensagem de Gálatas 5:22 "O fruto do Espírito é: amor, paz,
longanimidade. benignidade, bondade, fé, mansidão,
temperança". 
 

 

20/06/2015

VIVER O AMOR INFINITO

Outono, junho, 14. Conseguir sair num domingo de outono e comprar duas blusas para Fany foi uma alegre passagem de estação. Nem liguei para o vento gelado levantando folhas secas e sacos plásticos desafiando as rodas dianteiras da minha cadeira. Desafio maior é conviver com a dor torturante das lesões na coluna, na pele e sorrir. Minha mãe tem bom gosto comprou duas blusinhas lindas, uma de estampa floral e outra azul com bordado branco abaixo do decote. Passeio curto, de grande significado para mim. Sempre aparece alguém para me ajudar a subir, descer rampas e vencer calçadas e ruas esburacadas com perigosos desníveis. Em casa, na volta do passeio, nos abraçamos e dissemos uma para a outra: “Estaremos sempre juntas até o infinito”. O amor infinito é fundamento e não sentimento, por isso vive para sempre.

AMIZADE SE RENOVA NA PASSAGEM DA ESTAÇÃO
Outono, junho, 15. Estava terminando de costurar uma adaptação que precisei fazer numa roupa e pensando em telefonar para a amiga Elzi quando ela me ligou dizendo que estava chegando para uma visita. Nordestina vinda de São Luís, Maranhão, terra do poeta Ferreira Gullar, para estudar, trabalhar e vencer em Osasco, São Paulo. Nossa amizade vai se fortalecendo a cada passagem de estação. Ela me trouxe uma seleta de riquezas da terra, entre elas as castanhas do Pará. Amizade é o mais puro amor, sempre presente e se renovando. Um desafio para o poeta traduzir.

Descrição da imagem: Elzi e eu com a seleta de frutas nas mãos tendo do lado esquerdo um poema de Ferreira Gullar.

Clicar com o mouse para ver e ler ampliado o poema Traduzir-se

 

04/06/2015

MOACYR FRANCO SENSIBILIZA SOBRE A CEGUEIRA

 
SBT (SP) Programa do Ratinho Depois de um cochilo abrimos os olhos no mesmo instante, eu e mamãe. Não raro isso acontece. Acordamos e dormimos no mesmo horário, temos ideias ao mesmo tempo sobre o que fazer, comer pipocas e coisas simples do cotidiano, agora restrito ao nosso lar. Na tela da tevê, Moacyr Franco (5/10/36, Ituiutaba-MG) terminava mais uma de suas memoráveis interpretações. Acordei ouvindo trecho de Suave é a Noite, uma de suas centenas de composições românticas. Uma pausa no canto e a sequência da narração de uma linda história de amor.
Falava sobre uma senhorinha pobre que resolveu adotar um menino cego, a última das crianças que ficou num abrigo de menores porque pessoa alguma se interessou por ele por causa da cegueira. Ela decidiu adotá-lo, contrariando a vontade do marido. Ele acabou abandonando a mulher e ela, sozinha, cuidou de si e do menino, guiando-o pelos caminhos da vida. Certo dia ela adoeceu e foi hospitalizada. Ao lado do leito de morte, um médico disse ao filho: “sua mãezinha fechou os olhos e está no céu, caminho que você jamais encontrará porque somente ela conhece”.

Se o amor e o romantismo não estivessem fora de moda, para muitos, tenho certeza que esse texto tocaria os olhos do sentido oculto de muitos filhos e filhas que, mesmo dotados da visão, estão cegos. Haverão de procurar as mãos de suas mãezinhas e pedir a bênção para, quem sabe, encontrar o caminho do céu.

“Minha mãe me fez rezar
Para ser feliz um dia

A felicidade passou
Foi durante a noite e eu dormia...

Me ensinou a semear
Plantei rosa, fiz canteiro

Mas enquanto eu reguei semente
Desmataram esse mundo inteiro”

Pedágio, de Moacyr Franco, cantor, intérprete, autor, compositor, ator, apresentador de tevê.


 
 

30/05/2015

GEÓGRAFA VALÉRIA DUARTE É MINHA PRIMEIRA AMIGA VIRTUAL-REAL

São Paulo, capital, 2005, 18, outubro. Conheci a professora e geógrafa Valéria Duarte (Taubaté, SP), a Val, no orkut. Nosso primeiro encontro foi no abraço à Biblioteca Mario de Andrade em forma de fila imensa, que dava volta no prédio. Ficamos ali, na chuva, pessoa alguma foi embora sem assistir uma aula sobre o semiárido nordestino com o cientista, geógrafo, ambientalista e humanista Prof. Aziz Ab’Sáber.

Eramos o dobro da capacidade de lotação do auditório. Não fosse o profissionalismo e o amor do conferencista Aziz Ab’Sáber não teríamos tido a chance de ouvi-lo. Ele fazia questão de afirmar ser uma aula. Os sábios são gigantes em sua humildade, os ignorantes são pequenos em sua vaidade. O Prof. Aziz chegou duas horas antes da hora marcada e, assim, generosamente, orientou os organizadores para dividir o público em dois grupos e ele deu duas aulas inesquecíveis sobre o semiárido nordestino.

TRANSPOSIÇÃO DAS ÁGUAS. "A capacidade de adaptação do homem nordestino surpreende cientistas de todo o mundo. São 23 milhões de brasileiros que habitam os sertões, denominados população difusa. Esses não serão contemplados pela transposição das águas, que além do mais são poluídas", ele nos falou. Também nos disse: "políticos que não querem aprender e não têm bons assessores dizem que acadêmicos não dão votos. Então, vamos jogar água para o sertão já que o rio corre para o mar, dizem eles". "Retirar água de uma bacia e levar para outra, via transposição, não garantirá água para o sertão. O rio São Francisco, que nasce na Serra da Canastra (Triângulo Mineiro) e vai até o mar das Alagoas, tem 2.170 quilômetros de extensão. Este projeto não atenderá a população difusa, só a linear valorizando as terras de grandes fazendeiros", concluiu Ab'Sáber, em 18/10/2005.

DO VIRTUAL PARA O REAL. Aquela foi uma data inesquecível para mim, que tive o privilégio de conhecer, pessoalmente, a professora e geógrafa Valéria Duarte, a mais dedicada e amada pelos alunos de Taubaté. Depois, tive o privilégio de recebê-la e aos seus alunos com o mestre Aziz, na aula no auditório Eva Herz, da Livraria Cultura, no lançamento do meu terceiro livro onde Aziz foi eternizado no personagem Xeique, em "Uma Aventura na Amazônia - Raycha", dezembro/2008.

Um lindo poema dedicado ao Rio São Francisco é de autoria dessa professora, grande torcedora do São Paulo Futebol Clube e do goleiro Rogério Ceni. Gostaria de publicar esse poema no meu blog. Val, você pode postar ou enviar para mim?


Descrição das imagens: Prof. Aziz Ab'Sáber com mapa nas mãos falando ao público na Biblioteca Mario de Andrade, São Paulo (SP). Abaixo, Biografia de Ab'Sáber é lida pelo também geógrafo e Prof. Dr. Edmilson Brito Rodrigues (Belém-PA), Teatro Eva Herz, Livraria Cultura.
 
 

22/05/2015

A LUTA CONTINUA, ESPERANÇA VOLTA A VENCER DOR

Osasco (SP), maio, 22. Todos os dias me convidam para enfrentar desafios que antes eram nada desafiadores para uma pessoa com domínio próprio da sua condição motora. Uma pessoa de vida e hábitos saudáveis, que nem fazia uso de remédios, e jamais pensou que ficaria refém dos mesmos para mitigar dores de cirurgias mal sucedidas na coluna e danos irreversíveis na pele, em decorrência de maus tratos no pós-operatório.

O desafio de hoje foi socorrer a audição da mamãe, deu pane no seu aparelho auditivo. Não consegui resolver e mandei uma mensagem à fonoaudióloga Samanta, da GN RSound. Por uma lógica matemática desta força inteligente que rege o universo a Samanta estava perto da região onde moro, atendendo outro cliente. Em menos de hora e meia ela estava em casa. Arrastando sua pesada mala de trabalho ela chegou sorridente e confiante, qualidades de uma profissional segura, que ama e confia no que faz e na empresa onde trabalha.
Depois de examinar o aparelho resolveu levá-lo ao laboratório da RSound e deixou outro igual para que minha mãe voltasse a ouvir. Tudo ficará bem e vamos passar um ótimo final de semana juntas. Estou seguindo o conselho da médica Luciana Sodré, outra profissional sorridente e confiante que ama os dons que Deus lhe confiou para salvar e preservar vidas: “Gi, coloca bolsa de água morna, toma o anti-inflamatório que receitei e não pare, não pare nunca!”.

Lu, continuo me movimentando, trabalhando e me esforçando para não deixar a dor vencer a esperança. Não poderia ir descansar meu sofrido corpo sem postar essa mensagem e a foto do atendimento da Dra. Samanta para a dona Fany.
Descrição da imagem: Dra. Samanta examinando minha mãe por meio de
testes de audição em seu laptop. 
Minutos depois dona Fany voltou a sorrir.
 

17/05/2015

DOR ESTÁ VENCENDO ESPERANÇA

"Todo mundo é capaz de dominar uma dor, exceto quem a sente".
William Shakespeare, em "Muito barulho por nada".
Hoje a minha dor na coluna está incontrolável e o analgésico já não faz efeito algum. Tenho saudade de mim andando, correndo pra lá e pra cá resolvendo ou auxiliando na resolução de problemas, sonhando acordada com histórias, temas transversais para escrever, desenvolver projetos, soluções. Tenho saudade de mim cozinhando, lavando o quintal, pintando parede e passeando com mamãe e Tobinho.
Hoje meu passeio é curto e Tobinho quase empurra a cadeira de rodas para me levar até a minha roseira, todas as manhãs, após o banho e curativos. Ele vai correndo, todo animado, como se fossemos dar uma volta no quarteirão, igual antigamente. Foi ele que me fez ver o ninho que uma menina canário está terminando de fazer entre as folhas, flores, galhos e espinhos. Ela não estranha nem a mim nem ao cãozinho. Já acostumou com a rotina de horários do meu quintal.
E a dor, o que eu faço para dominá-la? Todos cuidam mas ao mesmo tempo ninguém cuida porque há cinco anos amanheço e adormeço com dor. Agora está torturante porque parece a dor de uma descarga elétrica. Até quando meu corpo físico e corpo mental suportarão a torturante espera de uma ajuda que me dê esperança de viver em paz? Preciso de ajuda e paz para desenvolver meu último legado nesta vida que me foi dada para viver.


 

13/05/2015

O DIA É DAS MÃES. O PRESENTE É DOS FILHOS

Fotografia é o registro de um momento. Não mostra a dor disfarçada no sorriso. Não mostra o caráter e a força do espírito único guardado na moldura do corpo físico. Fotografia é um fragmento de incontáveis momentos de uma vida plena de emoções. Se olharmos com os olhos do sentir veremos tudo o que uma imagem pode mostrar. À esquerda a cor do amor colorindo de rosa um arranjo de Lírio da Paz. À direita, sentados à mesa, filho, filha e mãe cujo aroma de flor é único e somente os filhos sentem. Nossa mãe tem perfume de Lírio da Paz e seu corpo frágil guarda a força do amor e da esperança.

 

27/04/2015


DOMINGO SEM CHORO,
MAS UM MENINO CAUSOU EMOÇÃO
Osasco, SP, 26 de abril. Fui fazer as compras do mês com minha mãe. Na volta para casa ela seguiu com taxista e eu sozinha. Domingo não tem trânsito e posso tocar a cadeira de rodas na rua, já que calçadas acessíveis não há. Também não posso andar em veículo convencional, só em carros adaptados, por causa das lesões na coluna e na pele.
Pela primeira vez não chorei. Sempre ficava em prantos sozinha, com muito esforço, dor e cansaço rodando pelo Calçadão e pela rua de casa onde andei com minhas pernas durante 50 anos.
Não chorei, mas me emocionei  por causa de um garotinho de uns 5 anos que se desgarrou da mãe e veio correndo ao meu encontro.
− Oi! – disse ele.
− Oi! – respondi.
− Quê azuda?  Eu levo o cê – disse o menino.
− Não precisa, meu anjo, muito grata – respondi.
Neste instante a mãe puxou o menino pelo braço e os dois foram embora.
Ouvi o garotinho murmurar: “azuda, azuda ela”.
Respirei fundo para não cair em prantos.
Sinto muita falta das minhas interações com as crianças por meio da leitura e do bate-papo sobre as aventuras do cão Toby. Era um exercício maravilhoso da arte de aprender a ler, fazer perguntas e dar respostas de conteúdo seguro aos pequenos.
Todos os dias reflito sobre a finitude, exercício mental necessário em cada etapa da vida.
Descrição da imagem: rostos juntinhos de Gisele com alunos
do Colégio Desafio, após palestra e autógrafos.


25/04/2015

JESSE - VOA LIBERDADE.


Jessé (25/4/52 - 29/3/1993) Para quem ama a liberdade e tem a mente como o céu, o ponto mais alto a ser alcançado, outro clássico da MPB na voz do inesquecível Jessé. Quanto tempo levará para surgir uma voz tão divinal e plena?

21/04/2015

TIRADENTES É O ÚNICO BRASILEIRO QUE MERECEU UM DIA DE FERIADO NACIONAL EM SUA MEMÓRIA

... Cecília Meireles, nos versos do Romance XXXI de seu "Romanceiro da Inconfidência", contribui para esclarecer a questão: "Por aqui passava um homem/- e o povo todo se ria./"Liberdade, ainda que tarde"/ nos prometia." Ou seja, revolucionário consistente, responsável por angariar mais simpatizantes para o movimento sedicioso e o novo regime que ele instauraria, pregava ao povo todo, a quem... se dispusessem a ouvi-lo, corajosamente, sem discriminar. Passa então a analisar as três razões do "triunfo póstumo" de Tiradentes. Logo na primeira, chama a atenção a associação de seu nome com o conceito de "herói para personificar os valores que o regime militar (de 1964) pretendia representar"...
leia conteúdo completo postado em 23/7/2007 pelo amigo Sergio Amaral Silva, jornalista e economista pela USP e crítico literário. Ex-colega do Banco Francês e Brasileiro, hoje Itaú Personnalité.
link para ler o artigo: https://www.blogger.com/blogger.g…

18/04/2015

HOMENAGEIO COLÉGIO ANA TAVARES NO DIA NACIONAL DO LIVRO INFANTIL

Em homenagem a Monteiro Lobato (1882-1948), nascido em 18 de abril, precursor da literatura infantil na América Latina, foi escolhido o dia de hoje para comemorar o Dia Nacional do Livro Infantil. Aproveito para postar lembranças de um sábado inteirinho de convivência com professores, alunos e pais no Colégio Ana Tavares (Sistema Objetivo de Ensino), Perus, capital (SP).
A escola realizou trabalho pedagógico com dois dos meus livros e me convidou para ver, ouvir e me encantar com a performance dos alunos na interpretação do conteúdo dos mesmos. Um lindo trabalho que ficará para sempre na minha lembrança e dos pequenos também.
Descrição das imagens: alunos, professores e autora em salas temáticas sobre o livro Uma aventura na Amazônia - Raycha  e sobre a evolução da escrita, enfocando a leitura e escrita em braile por meio do livro Toby e os Mistérios da Floresta.
No canal Gisele Pecchio, no YouTube, há vários audiovisuais sobre esse lindo trabalho de convivência e valorização da leitura.







 

29/03/2015

DOMINGO DE RAMOS: MEU 5º ANO NA VIDA NOVA

Jamais renunciarei a minha cruz porque sei que meu destino foi traçado com propósitos que não me cabe o entendimento. Somente a obediência me cabe. E que seja assim, com honra e dignidade, jamais ignorando as vidas que dependem da minha para viver.Feliz Semana Santa!
Num Domingo de Ramos, há cinco anos, nasci para uma nova vida. Um calvário de dor e sofrimento. Pelo meu caminho sobre rodas vou encontrando pessoas desconhecidas que Deus coloca em cada estação para me auxiliar a carregar a cruz pesada que trago nas costas.
Hoje, a moça que me auxilia a sair da cama e faz meus curativos, me levou até o mercado para as compras do mês, com minha mãe. Depois nos despedimos, ela foi cuidar da sua família e nós compramos o necessário. Minha mãe tem baixa estatura e eu, na cadeira de rodas, fico do tamanho dela. Não faltou quem nos auxiliasse a pegar os produtos, colocar no carrinho e passar um por um pelo caixa. Depois, um funcionário nos auxiliou a colocar tudo em caixas e a arranjar as mercadorias no carrinho.
Um taxista simpático levou minha mãe e as compras enquanto eu fui tocando a cadeira com muita dor e esforço até chegar na rua de casa. Sem auxílio especializado não é prudente que eu ande em carros comuns, somente em vans adaptadas. Por esse motivo somente saio aos domingos, mesmo assim tocando a cadeira pelo meio da rua para evitar quedas.
Um pintor que trabalhava na porta de casa me auxiliou a subir a calçada e alcançar o portão de entrada da minha casa.
Auxiliei minha mãe a guardar tudo, com ajuda do taxista, passei pano na casa toda, pendurei roupas no varal e outros pequenos serviços enquanto minha mãe esquentava o nosso almoço.
Estou até esta hora na cadeira, com as mesmas dores do amanhecer ao anoitecer. Depois de fazer o registro deste meu 5º ano de vida nova ainda vou cuidar da pele, pelo e higiene do meu querido mascote e cuidador 24 horas. Estou falando do Tobinho, é claro.
Para quem está próximo mas se tem feito de morto por estar doente do não sentir, tenho dito que, infelizmente, está me matando aos poucos porque ainda não adquiri a força do Senhor para deixar de sofrer pelos que ignoram e desprezam quem foi colhido pela desgraça, sem chance de autoajuda. Que Deus tenha piedade de quem está doente do não sentir.
Graças a Deus amo, luto, me esforço, sofro derrotas, me alegro com as pequenas conquistas, todos os dias da minha vida. Jamais renunciarei a minha cruz porque sei que meu destino foi traçado com propósitos que não me cabe o entendimento. Somente a obediência me cabe. E que seja assim, com honra e dignidade, jamais ignorando as vidas que dependem da minha para viver.
Feliz Semana Santa!
Descrição da imagem: Jesus Cristo
 

27/03/2015

GUILHERME ARANTES GUARDA JOVEM E ETERNO CORAÇÃO



Política está associada a relações e jogos de poder nem sempre em conformidade com a moralidade, embora legais. Como pode um parlamentar ganhar mais de R$33 mil reais por mês, mais auxílio moradia de mais de R$4.000,00, afora todo o staff, cargos para parentes, affairs e afins? Há um abismo que separa essa gente poderosa do cotidiano da maioria da população. Esse é o foco. Até quando nossos corações suportarão pagar a conta amarga da hipocrisia? Guilherme Arantes, parabéns pelo seu bom e eterno coração!

22/03/2015

MINHA ROSEIRA FOI ESCOLHIDA PARA ABRIGAR NINHO


Simplesmente lindo. Hoje vi um canarinho preparar um ninho na minha roseira Príncipe Negro. Chorei de emoção por ter sido minha roseira escolhida para abrigar um ninho. Essa música e a linda parceria Chico Buarque e Tom Jobim escolhi para comemorar a volta à vida para quem ama tanto estar próxima da natureza e está aprisionada em casa por falta absoluta de acessibilidade.
Vou voltar... resta a esperança...

17/03/2015

TOBY FAZ ANIVERSÁRIO

Com dor, gemendo ou chorando hoje farei de tudo para dar um banho perfumado, com direito às massagens e ao creme dental sabor de morango que Tobinho adora. Diferente do Toby da ficção, esse poodle esperto e meigo precisa de banhos, sabonetes e xampus especiais, tosas, vacinas, ração especial para cães cardíacos, remédio, creme dental, colônia e tudo o mais que a posse responsável de um animal de estimação requer. Clicar sobre a imagem para ver ampliada, com descrição.
 

12/03/2015

HÁ SOLUÇÃO PARA A EQUAÇÃO CORRUPÇÃO

Se em vez de E.x² tivéssemos C.x²  e fosse possível encontrar um gênio do cálculo e ele desse a solução para resolver a equação corrupção, como seriam os noticiários dos telejornais no Brasil e no mundo?

Manhã dessas não suportei o repetitivo noticiário matinal sobre o desvio de dinheiro público, denúncias de parlamentares eleitos pelo povo recebendo propinas, a cara de inocente dos acusados em seus discursos defensivos e resolvi assistir uma aula de cálculo diferencial e integral. Sempre fui apaixonada pela filosofia que permeia o raciocínio dos matemáticos, suas histórias de vida e devoção às Ciências. Optei por Humanas e jamais pensei que um dia me esconderia diante de uma lousa repleta de fórmulas para fugir dos horrores da bandidagem que avança faminta em direção ao maldito K. O dinheiro é o ópio dessa gentalha que parece se reproduzir como abomináveis roedores numa luta insana com agentes de defesa do bem público.
Eu numa aula de raciocínio sobre conceito de limite à direita, à esquerda e continuidade, importante definição de derivada e integral. Um ramo da álgebra e da geometria. Que coisa mais linda ver um professor e alunos numa aula de raciocínio, concentrados. Lembrei-me dos alunos para os quais dei aulas e compartilhei saberes, das inúmeras salas de aula onde entrei e sai emocionada com o diferencial de um ou dois por turma. Jamais esqueci os nomes dos talentos que reconheci. Onde estarão estes alunos? Em que sala de aula estudam ou ensinam seus dons?

Fechei os olhos por instantes e temi pelo futuro dos estudantes que conheci tão bem. Temi vê-los engravatados, corrompidos pelo sistema que aí está. Temi reencontrar meninos e meninas brilhantes compactuando com o raciocínio nefasto de quem engendra e sustenta a matemática da corrupção. É certo que esses gênios jamais aparecem ou quando são pegos saem ilesos, sempre prontos para montar complicados cálculos e operações para ofertar a gestores cada vez menos preparados e mais ousados em suas retóricas defensivas.
Abri os olhos, derramei uma lágrima por aquele abnegado professor e pensei no encontro dele com Arquimedes (287-212 a.c) numa possível volta ao passado. Arquimedes, o pensador, engenheiro, inventor, astrônomo e matemático destacado no campo da geometria.

O professor perguntaria para Arquimedes:
− Há solução para E.x²?

Eu perguntaria para os dois:
− Há solução para a corrupção, algo como C.x²?

Ambos, naquela longínqua volta ao passado, provavelmente diriam:
Sim, existe. Mas ainda não foi inventada. Nem ontem, nem hoje, talvez amanhã.

08/03/2015

QUANTO TEMPO FALTA PARA ACABAR O DIA INTERNACIONAL DA MULHER?

Diante dos fatos que inundam a mídia internacional, com crimes e horrores praticados contra a humanidade, é quase impossível prever até quando será lembrado o 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, entre outras datas demonstrativas dos passos lentos da nossa evolução.
Desde os primórdios, a mulher sempre foi tratada com diferença em seus direitos fundamentais. Tirando Jesus Cristo, o Deus encarnado na figura de ser humano, não há homem sobre o planeta que em algum momento não tenha subjugado a mulher em comentários impróprios, para citar o mínimo.
Quanto mais lemos a Bíblia e estudamos a importância da vinda do Cristo a este mundo, mais adoramos este Ser Divino que num tempo tão longínquo deixou o legado do saber superior no trato com as crianças e as mulheres. Em seus exemplos, procurava a unidade, a igualdade, entre todos.
A Natureza e todas as formas de vida que habitam a Terra merecem respeito, atenção, igualdade e direcionamento justo às suas necessidades.
O esforço diário na correção de erros de conduta, já que somos pecadores, observando os fundamentos simples pregados por Jesus na sua passagem pelo mundo, contribuiria para que no futuro, ainda que distante, todos os dias fossemos um só na adoração, no entendimento e na palavra confirmada nos atos.

  
 

07/03/2015

A MORTE É SONO SEM DESPERTAR

Há um texto atribuído ao Santo Agostinho (354-430), importante teólogo e filósofo do cristianismo, que descreve sobre a morte de forma muito tranquila: “eu somente passei para o outro lado do caminho, continuarei sendo o que eu era para vocês”, teria escrito ele. Hoje completo cinco anos da nova vida que me foi dada para viver, amar, sofrer e vencer. Numa experiência de quase morte jamais é esquecida a data; é como o dia do aniversário. Na minha lápide poderá vir escrito assim: Gisele Pecchio Dias ∗24/6/59 +∗07/3/10 +.../.../.... “ Vocês que aí ficaram, sigam em frente, a vida continua linda e bela como sempre foi”.
Abaixo, link para Unindo as Pontas da Vida, meu audiovisual acessível (imagem, narração e descrição) no canal Gisele Pecchio em YouTube. A inspiração foi em Machado, um dos mestres favoritos.
https://www.youtube.com/user/meninotoby

Meu primeiro contato com alunos do IPC
Instituto de Cegos Padre Chico, no
lançamento da 1ª edição em braile de
Um Par de Asas para Toby, com
divulgação no Pulo do Gato e BAND
Gente, na potente voz do mestre José Paulo
de Andrade, grande incentivador do meu
trabalho autoral independente, início
do ano letivo de 2004.