Toby Collection, pioneer in accessible for children gisele.jorn@uol.com.br

Loading...

30/04/2012

Erival Marques Júnior: um exemplo de superação

RESTITUI - Uma nova identidade
ISBN 978-85-98627-75-5
Autor: Erival Marques Jr.*
Editora: Livro Pronto
livropronto@livropronto.com.br

"Restitui traz aos leitores a importância dos verdadeiros amigos e da perseverança em alcançar nossos objetivos, mesmo quando tudo parece não ter esperança aos nossos olhos. Lembrando sempre que o que parece impossível ao homem é possível a Deus".

Caro Erival,
Li seu livro assim que o recebi, postado pela minha querida tia Profa. Neyde Pecchio.
Li de uma só vez e me encantei pelo seu entusiasmo e amor pela vida a despeito de todas as adversidades e intenso sofrimento e dor.
Sei o quanto sofreu porque ainda sofro. Fiquei oito meses hospitalizada, passei aniversário e Natal sozinha num leito de enfermaria. A única visita era da minha mãe.
Sofri politrauma depois de uma queda do telhado de casa, onde trabalhava no conserto de um vazamento na telha.
Fraturei clavícula, perfurei pulmão e sofri lesão medular tronco-lombar completa deixando-me paraplégica.
Por conta das infecções no pós-operatório abriram minha coluna três vezes e a mesma ficou torta, resultando numa escoliose à direita.
(Tenho 18 parafusos - 2 estão soltos e doem muito - e duas hastes de titâneo sustentando minha coluna. Não tenho controle de tronco e há 2 anos uso sonda de demora).
Depois, a infecção da coluna desceu para o quadril direito e foi negligenciada. Passei três meses pedindo socorro e somente no final do terceiro mês abriram meu quadril e constataram osteonecrose na cabeça do fêmur, que resultou no encurtamento da minha perna direita evoluindo para osteomielite crônica aguda.
Resultado: quase um ano e meio sendo perfurada para receber antibióticos. Também ganhei três úlceras de pressão que ainda estou tratando, sob muita dor.
Tudo isto, num hospital particular da minha cidade, onde mantenho convênio de assistência médica do próprio hospital.
É a vida. Como você bem escreveu no seu livro: os gatos se afastam, fingem que somos invisíveis, e os amigos leais não nos deixam desistir, jamais.
Diferente de você, não casei e não tenho filhos. Quando se é pai ou mãe se tem mais força e determinação para lutar, mesmo em meio a tanta dor e sofrimento.
Minha força está em Deus e em minha incansável mãe, Fany Pecchio, com 91 anos cuidando de mim.
Mesmo desanimada, penso que quanto melhor eu estiver mantenho a harmonia dos entes queridos, mesmo que eles não tenham tempo para mim, é o certo. 
Numa cidade grande, o tempo para cuidar do próximo e cultuar valores é consumido na luta pela própria vida.
O trabalho e o esforço para vencer a distância e o congestionamento entre a casa e o serviço deixam todos fadigados, com o foco sobre si mesmos.
Bem, igual a você, antes do acidente também me aventurei pela literatura infantil, com transcrição em braile, tinta ampliada e audiolivro. É um trabalho independente, editado por mim e pioneiro no Brasil em acessibilidade à leitura.
Foi uma alegria saber sobre você e ler a sua encorajadora autobiografia.
Um beijo carinhoso para você, Susy, Isys e quataenses.
Gisele Pecchio
(*) O escritor Erival Marques Jr. é palestrante nas escolas, empresas e demais entidades interessadas em temas motivacionais, como a superação na luta pela vida e facilitador em programas voltados a adolescentes e jovens em grupos de risco.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço pela sua presença. Abraço meu, Gisele